UMA MODELO VAI GANHAR 4.500 POR COBRANÇA INDEVIDA DA VIVO

A cobrança indevida e ameaça negativação pela  telefonica constitui danos morais segundo  advogado de sorocaba são paulo SP
A Vivo (antiga Telefônica) foi condenada a pagar R$ 4.500,00 a modelo E. A. G. Ela começou a receber cobranças de uma suposta linha que nunca pediu. Ficou realmente inconformada quando a Telefônica informou que iria negativar seu nome. Em primeira instância o juízo reconheceu que a cobrança era indevida, mas negou a indenização por danos morais a jovem modelo. 
mera cobrança constitui danos morais especialmente quando ha ameaça de negativaçao
 O advogado Dr. Murilo Padilha Zanetti, da Dias Batista Sociedade de Advogados explica que a mera cobrança é suficiente para gerar danos morais. Nós temos defendido esta tese e os tribunais tem acompanhado nosso raciocínio. Por esta razão recorremos e ganhamos", diz o advogado. 
   Com a decisão a modelo deverá receber R$ 4.500,00. O processo recebeu o número 1018936-74.2015.8.26.0602 e foi julgada pela 6a. Turma do Colégio Recursal de Sorocaba. A relatora do processo foi a Dra. Adriana Faccini Rodrigues.